Faça um cadastro gratuito e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do site:
E-mail  
Senha
Homepage

Cadastro

O Professor

Cursos e Agenda

Palestras

Notícias

Comentários do Professor

Material do Professor

Artigos

Vídeos

OAB

Concursos Públicos

Bibliografia Indicada

Legislação

Motivação

DJ Leone Pereira

Galeria de Fotos

Sites Indicados

"Difícil. Essa é a palavra à qual às vezes nos aferramos para não tentar o impossível. "
(Carola Gowland)


Siga o Professor
Leone Pereira

Notícias

Ministério do Trabalho anuncia inclusão das baianas de acarajé na CBO

Fonte: http://www.trabalho.gov.br/ (publicada em 14/07/2017)


O anúncio oficial foi feito pelo secretário executivo do Ministério do Trabalho, na tarde desta sexta (14), em Salvador


O Ministério do Trabalho anunciou, na tarde desta sexta (14), oficialmente, a inclusão das baianas de acarajé na Classificação Brasileira de Ocupações (CBO). O anúncio foi feito pelo secretário executivo do Ministério, Antônio Correia, na sede da Superintendência Regional do Trabalho da Bahia (SRT-BA).

Segundo o secretário executivo, a inclusão da ocupação das baianas de acarajé foi feita no sistema CBO e já está disponível para consulta. Veja aqui. “Para nós, é uma satisfação e alegria anunciar, formalmente, depois de todos os esforços realizados pelo Governo Federal, o reconhecimento oficial da atividade das baianas de acarajé, promovendo a dignidade do trabalho desempenhado por essas mulheres e homens há anos", disse Correia.

De acordo com estimativa da Associação das Baianas de Acarajé, Mingau e Receptivo da Bahia (Abam), essa inclusão beneficiará cerca de 3.500 profissionais apenas na capital baiana. Desde 2005, as baianas são reconhecidas como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil pelo Iphan.

Com a inclusão da profissão na CBO, as baianas de acarajé passam a assumir a identidade profissional ao realizar cadastros formais para tirar documentos como RG e passaporte, ou se cadastrar como microempreendedor individual, além de ter o reconhecimento dos acidentes e doenças que podem ocorrer em decorrência das atividades laborais. A inclusão também facilitará a criação de cursos de especialização para essas profissionais.

A superintendente do Trabalho no estado, Gerta Schultz, ressaltou que "é uma honra para a Superintendência sediar o ato que anuncia uma conquista para as baianas que, além de simbolizarem o sincretismo cultural, contribuem com seu trabalho para a geração de renda e atração do turismo para a Bahia".

O evento também contou com a presença do deputado federal Benito Gama; da secretária municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Infância e Juventude, Taíssa Gama, e do chefe da Inspeção do Trabalho da Bahia, Flávio Nunes.


  Imprimir esta notícia

[ retornar ]

® 2017 Professor Leone Pereira - Todos os direitos reservados Desenvolvido por InWeb Internet